segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Justin Bieber troca a franja por penteado a la Neymar


Cantor muda o corte de cabelo para gravar comercial - poderia ser aquele do slogan sobre a voz que não muda

Reprodução
Justin Bieber de cabelo novo, estilo Neymar
Justin Bieber de cabelo novo

Justin Bieber abriu mão de sua marca registrada - a franja - para gravar um comercial em Los Angeles. Neste fim de semana. O cantor canadense, de 17 anos, foi visto com um penteado espetado, a la Neymar, no set de gravações de uma campanha que poderia ser aquela do slogan sobre a voz que não muda, apesar dos cabelos diferentes. Sua voz, afinal de contas, continua fina e bastante chatinha.
O penteado de Bieber não chega a ser um moicano, como o do atacante do Santos, mas tem algo do espírito Neymar - algo mais vivaz e interessante que a franja lambida que ele vinha usando.
Em fevereiro, ao cortar o cabelo, o cantor doou o valor de suas madeixas, adquiridas a 40.000 reais pelo site de leilões eBay, para a doação, segundo o site da revista People. Desta vez, ele parece não ter cortado. Mas a boa ação vem na sequência: nesta terça-feira, Bieber lança um CD com temática natalina, que terá vendas também revertidas para a caridade.

Modelo que namorou filho de Kadhafi perde contrato na Alemanha

 Vanessa Hessler disse que saiu com Muatassim, hoje morto, por 4 anos.

Italo-americana de 23 anos afirmou que os Kadhafi eram 'gente normal'.

Uma empresa alemã cancelou um contrato com uma modelo ítalo-americana após ela ter mencionado um relacionamento com Muatassim Kadhafi, filho do ex-ditador líbio Muammar Kadhafi, e ter elogiado a família dele.
A Telefonica Germany e sua subsidiária Alice anunciaram que vão parar de trabalhar com a modelo Vanessa Hessler, de 23 anos. A imagem dela seria retirada do site da companhia, disse o porta-voz Albert Fetsch.
"Vanessa Hessler errou em relação a seus comentários sobre o conflito na Líbia", disse.
A modelo Vanessa Hessler em foto de 23 de maio de 2008 (Foto: AP) 
 
A modelo Vanessa Hessler em foto de 23 de maio de 2008 (Foto: AP)
Vanessa foi o rosto da publicidade da empresa durante anos, e sua imagem era comum em outdoors em muitas cidades do país.
Em entrevista à revista italiana 'Diva e Donna', ela disse que encontrou Muatassim durante quatro anos. Ele acabou sendo morto junto com seu pai, em 20 de outubro.
"Eu não tive nenhum contato com ele desde o início da revolta [em fevereiro], mas nossa relação era apaixonada", disse ela, segundo a revista. "A família Kadhafi não é como está sendo descrito, eles eram gente normal."
Ela também descreveu os ex-rebeldes líbios, reunidos no hoje situacionista Conselho Nacional de Transição, como "gente que não sabe o que está fazendo".
Houve uma negociação entre a telefônica e a agência da modelo para que ela se retratasse, segundo o porta-voz, mas ela sustentou suas posições.
A Telefonica Germany é uma subsidiária da Telefonica da Espanha.
 
Da Redação com G1

Luana Piovani exibe barrigão na praia


Rio - Luana Piovani aproveitou o domingo para colocar o bronzeado em dia. Exuberante, a atriz exibiu o barrigão de grávida na Praia de Ipanema. Acompanhada do namorado, o surfista Pedro Scooby, Luana curtiu o sol  e se refrescou. O filho da atriz vai se chamar Dom.
Foto: J. Humberto / Ag. News
Foto: J. Humberto / Ag. News
Foto: J. Humberto / Ag. News
 
Da Redação com ODia

Tumor de Lula tem agressividade média, dizem médicos



Lula começou tratamento contra câncer na laringe; equipe descarta cirurgia.
Ex-presidente perderá cabelo e barba e pode sofrer mudanças na voz.


Em entrevista coletiva concedida na manhã desta segunda-feira (31), a equipe médica que trata o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que o resultado de uma biópsia realizada mostrou que o tumor na laringe de Lula tem "nível de agressividade médio".
O ex-presidente começou nesta segunda no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, tratamento de quimioterapia contra câncer na laringe, diagnosticado no sábado (29).
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva com a equipe médica do Hospital Sírio-Libanês nesta segunda (Foto: Divul / Instituto Cidadania) 
 
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva com a equipe médica do Hospital Sírio-Libanês nesta segunda (Foto: Divulgação / Instituto Lula)
“É o tumor mais comum dessa região, tem agressividade clássica dos tumores dessa região. É considerado um tumor intermediário, que tem um crescimento razoável se não for tratado. (...) O tumor foi detectado em um estágio intermediário. Ele é relativamente inicial, mas não tão inicial que dê para resolver com uma pequena cirurgia, mas ele é localizado, para nós isso é muito importante”, disse Paulo Hoff, oncologista da equipe que trata o ex-presidente Lula.
Ainda segundo a equipe, a decisão por fazer o tratamento sem cirurgia foi tomada por ser a mais adequada. Conforme os médicos, a cirurgia está descartada por enquanto.
“Até 20 anos atrás ele seria tratado com cirurgia. Estudos agora mostram que o resultado da cirurgia e da quimio e radio em termos de cura são exatamente iguais. Além de oferecer as mesmas possibilidades de cura [o tratamento com radio e quimioterapia] tem uma possibilidade enorme de preservar a laringe em sua integridade, com preservação da voz”, explicou o cirurgião Luiz Paulo Kowalski. 
saiba mais
 
O cirurgião afirmou que Lula foi avaliado "no inicio dos sintomas" e que "a maioria dos pacientes tem um diagnóstico bem mais tardio".
O oncologista Artur Katz disse que "a cirurgia é uma possibilidade remota, porque as chances de resposta [com a quimioterapia] são muito boas". "Se ele não regredir, há a possibilidade de cirurgia, uma cirurgia que preserva a voz, não como ela é hoje. Mas, pela localização do tumor, ele tem uma chance muito grande de não precisar dessa operação."
Sequelas na voz
Devido ao posicionamento do tumor, caso a opção dos médicos para o tratamento fosse pela cirurgia, seria necessário, por margem de segurança, retirar parte das cordas vocais. “Parte das cordas vocais teria que ser removida como margem de segurança, a cirurgia seria pior do ponto de vista de sequelas", afirmou Kowalski.
De acordo com a equipe médica, porém, mesmo o tratamento com quimioterapia pode causar alterações na voz do ex-presidente, mas de uma maneira sutil. “O tratamento com quimio e radioterapia pode deixar uma pequena alteração de voz. Mas dando tudo certo, e é o que estamos trabalhando para que aconteça, seria uma alteração mínima e não haveria nenhum impacto nas atividades normais do nosso paciente”, explicou o médico Paulo Hoff.
Ainda conforme os médicos, os primeiros resultados do tratamento poderão ser notados em cerca de 40 dias.
Lula chega ao Sírio (Foto: Nelson Antoine/Foto Arena/AE) 
Lula chega ao Sírio (Foto: Nelson Antoine/Foto
Arena/AE)
Cabelo e barba
O oncologista Paulo Hoff disse que “é um tratamento agressivo, e sim, o paciente terá os efeitos colaterais usuais, incluindo a queda de cabelo.”
Roberto Kalil Filho, médico que trata de Lula desde antes de ele se tornar presidente, disse que o ex-presidente perguntou para a equipe médica sobre os efeitos colaterais do tratamento, que levam à perda de cabelo e de pelos faciais, como a barba.
Conforme Kalil, ao ser informado de que perderia cabelo e barba, Lula "reagiu normalmente" e disse "tá bom", afirmou o médico. Ainda segundo ele, a mulher de Lula, Dona Marisa, o acompanha 24 horas por dia.
"Ele está bem tranquilo, óbvio que, no primeiro momento, há uma apreensão, um choque. Chegou de excelente humor, do mesmo jeito de sempre, extremamente confiante”, disse Kalil.
De acordo com os médicos, o tipo de câncer que afeta o ex-presidente Lula atinge uma média de seis a sete homens para cada 100 mil no mundo. São Paulo é uma das cidades com maior incidência no mundo – 15 a 16 para cada 100 mil homens – provavelmente devido ao tabagismo e talvez consequência da poluição atmosférica, informaram os médicos.
Paulo Hoff afirmou ainda que "certamente para esse tipo [câncer de Lula] os agentes mais associados são cigarro e quando combinado, cigarro e álcool". "Identificar o que causou em um individuo é mais difícil, mas essas são as causas mais prováveis."
Tratamento
No fim da manhã, o ex-presidente foi encaminhado para o centro cirúrgico para a colocação do cateter pelo qual ele receberá a quimioterapia. No decorrer do dia o tratamento será iniciado, e ele passará a noite no hospital. Ele pode ser visitado à noite pela presidente Dilma Rousseff.
Na manhã de terça-feira (1º), Lula passará por exames complementares e deve ter alta. O medicamento continuará sendo administrado pelo cateter por 120 horas. O ex-presidente passará por três rodadas de tratamento, com intervalos de 21 dias entre elas. De três a quatro semanas após o fim da terceira, será feita a radioterapia.
O tratamento, segundo os médicos, pode ser estendido a depender dos resultados.
Lula vai receber um coquetel com três medicamentos: taxotere, cisplatina e fluorouracila. Os remédios vão agir para interromper a multiplicaçao desordenada das células, o que caracteriza a existência do tumor. O tratamento pode causar queda de cabelo, descamação da pele e o sistema imunológico pode ser afetado.
Um catéter, ligado a uma bolsa que ficará amarrada na cintura de Lula, será instalado do lado de direito do peito do ex-presidente para que seja injetada medicação direto na corrente sanguínea por cinco dias.
O que levou Lula ao hospital foi uma rouquidão anormal, que surgiu há cerca de 40 dias. Ele passou por uma ressonância magnética e uma tomografia de pescoço, exames que acabaram por levar ao diagnóstico da doença.
Agenda
A doença, diagnosticada no último fim de semana, fez Lula suspender a agenda de viagens nacionais e internacionais até janeiro de 2012. Desde que deixou a Presidência da República, Lula tem viajado pelo Brasil e pelo mundo fazendo palestras e se encontrando com chefes de Estado e personalidades.
Segundo nota divulgada pela assessoria do ex-presidente, a agenda foi revista para que Lula possa se concentrar no tratamento do câncer. A agenda internacional do ex-presidente incluía uma viagem à capital dos Estados Unidos, Washington, no dia 9 de novembro, para receber o Prêmio da ONG norte-americana Africare.
No dia 10 do mesmo mês, Lula tem marcada uma palestra na República Dominicana, de onde seguiria para a Venezuela, para encontro com o presidente Hugo Chávez no dia 11.
Câncer de laringe (Foto: Editoria de arte/G1)

Motorista que provocou acidente no Litoral Sul estava embriagado

Além de estar bêbado, Paulo Roberto e não tinha carteira de motirista


Uma colisão entre dois veículos deixou mortos mãe e filho por volta das 8h deste domingo (30), na PB-008, sentido Pitimbu/João Pessoa. O motorista que seguia sentido contrário também morreu.

De acordo com informações um casal, identificado como Adriana kaline de Barros de 27 anos e Reinaldo Nunes Batista de 40 anos estava em um veículo - modelo Uno e placa MQE 1966/ JP - quando foi surpreendido por outro carro de placa KHO 5810/Itabaiana conduzido por um jovem identificado apenas como Paulo Roberto dos Santos de 44 anos.

Após a colisão frontal, Adriana morreu com o filho Ronald Henrique Barros Nunes de apenas 25 dias de nascimento que estava no colo.  

Reinaldo e um outro casal, identificado como Josueli Galdino de Lima e  Rivaldo Barros de França, que estava no banco traseiro do mesmo carro, ficaram feridos e foram socorridos para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena na Capital.

Paulo Roberto, condutor do outro veículo era funcionário do Fórum de Pedras de Fogo e morreu preso nas ferragens do seu carro também de modelo Uno.

Familiares do ex-funcionário do Fórum de Pedras de Fogo, Paulo Roberto, que teria provocado o acidente neste domingo (30), no Litoral Sul paraibano, onde três pessoas morreram na hora confirmaram que ele estava embriagado e não possuía Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

 

Segundo informações, Paulo Roberto estava bêbado e familiares ainda tentaram impedir que ele dirigisse, mas a vítima se recusou.

Ao chegar na PB 008 no sentido Pitimbú/ João Pessoa o motorista perdeu o controle do carro e bateu de frente em outro automóvel que vinha no sentido contrário.


Da Redação com Informações da Web


Suspeito de assassinato é preso após trocar tiros com a polícia na Paraíba

Crime foi cometido na noite de domingo (30) na cidade do Conde.
Antes de ser preso, suspeito reagiu a abordagem policial e ficou ferido.

Polícia esteve no local do homicídio no Conde
(Foto: Jairo Silva Central PB de Jornalismo Online)
Um homem foi preso na manhã desta segunda-feira (31) na cidade de Alhandra por suspeita de ter cometido um homicídio na noite de domingo (30) no Conde, Litoral Sul da Paraíba. Ele foi detido após trocar tiros com a polícia no início da manhã, quando acabou sendo atingido. Segundo a Polícia Militar, ele já havia trocado tiros com policiais à noite.
De acordo com a 22ª Companhia da Polícia Militar de Alhandra, o suspeito teria cometido o homicídio por volta das 19h de domingo. O crime teria sido motivado por uma briga que aconteceu em um bar. A vítima ainda tentou fugir e se esconder em uma casa, mas acabou atingida por quatro disparos e morreu no local. O corpo foi levado para a Gerência Executiva de Medicina e Odontologia Legal, em João Pessoa, e não foi identificado até as 9h (horário local) desta segunda-feira.
Segundo o cabo Jardel, logo depois do crime a Polícia Militar começou a procurar o suspeito. Ainda à noite ele teria trocado tiros com um oficial da PM. O policial suspeitou de dois homens que estavam em uma moto na estrada entre Conde e Alhandra e pediu que o veículo parasse. O homem que estava na carona começou a atirar e conseguiu fugir. O policial deteve o homem que pilotava, mas descobriu depois que havia sido sequestrado e estava sendo usado para a fuga.
Nesta manhã, a polícia conseguiu localizar o suspeito na entrada da cidade de Alhandra. Ele reagiu atirando, mas foi atingido por um disparo no braço e acabou preso. A Polícia Militar informou que o homem ainda não foi identificado. Ele foi levado sob custódia para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa e deve prestar depoimento à Polícia Civil depois para esclarecer as suspeitas sobre sua participação no assassinato.

Da Redação com  G1 PB

Polícia Federal investiga envolvimento do cantor Belo com máfia dos caça-niqueis

A Polícia Federal (PF) está investigando os negócios do cantor Belo. Segundo os agentes, o artista mantinha ligações com três pessoas investigadas pela operação Black Ops, que desarticulou uma quadrilha envolvida com a máfia dos caça-níqueis em associação com israelenses.
Na ação, mais de 20 pessoas foram presas acusadas de participação no esquema. Já durante as investigações, a PF verificou que Belo utilizou pelo menos três carros financiados pela agência do chefe do bando, Haylton Escafura, ligada ao esquema de importação ilegal de veículos de luxo.
O cantor teria transferido, em dezembro do ano passado, 850 mil reais para contas de empresas do grupo.
No relatório da PF, Belo é citado várias vezes pela quadrilha, principalmente pelo filho de Escafura, José Caruzzo Escafura, o Piruinha, que não estaria satisfeito com a demora no pagamento de veículo pelo cantor.
O Cantor Belo ainda vai ter que se explicar também com a Receita Federal, por não ter efetuado o pagamento da dívida de R$ 2 milhões decorrentes de problemas na declaração de renda de 2003.

Fonte: Band

Trotes para Samu chegam a 40% e PMJP faz campanha para reduzir índice

 
Levantamento da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) aponta que 40% das ligações diárias para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) são trotes. São cerca de 800 registros de ligações a cada dia, solicitando o serviço, dos quais 320 são chamados falsos. Já outras 150 ligações resultam em envio de ambulância. Para diminuir o índice de trotes, a coordenação do Samu tem desenvolvido campanhas educativas para conscientizar o mau uso das chamadas telefônicas para o serviço.
Uma das primeiras iniciativas de combater a prática dos trotes é a veiculação de pequenos vídeos, nas redes de televisão, com mensagens de uso consciente dos serviços do Samu. A mensagem que o serviço pretende passar é que a pessoa que faz a ligação falsa também pode ser vítima e que a obstrução das linhas telefônicas compromete a agilidade do atendimento.
Além dos vídeos, a coordenação também aposta em palestras para todas as faixas etárias em que também são abordados temas como a importância da agilidade no serviço do Samu e o uso consciente deste serviço. Representantes do Samu vão até escolas públicas, privadas, além de diversos órgãos públicos. “Participamos de campanhas educativas em parceria com o Detran e STTrans especificamente com os setores de educação para o trânsito e também participamos de alguns eventos esclarecendo junto à sociedade sobre a importância do nosso serviço e quais os tipos de ocorrências que nós atendemos”, revela o coordenador geral do Samu, Cláudio Régis.

Identificador de chamadas – O trote configura contravenção punida com pena de detenção e multa. No caso do Samu, o trote ainda é considerado uma tentativa de restrição ao serviço público de emergência, com pena prevista no artigo 256 do Código Penal: reclusão de um a cinco anos e multa. Mesmo com pena prevista em Lei, os trotes ainda são constantes e o Samu já conta com um identificador de chamadas mesmo para as pessoas que inibem a identificação do telefone.
A Central do Samu possui identificador de chamadas onde o TARM (Técnico auxiliar de regulação médica) identifica o número que está ligando. No mês de setembro, a Anatel, em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde, disponibilizou um link onde o TARM entra no sistema pela internet e identifica se a ligação está sendo originada de um orelhão e onde ele está localizado.
A campanha de conscientização contra a prática do trote no atendimento do SAMU também pode ser vista através do link: http://www.youtube.com/watch?v=PRTxsJvjqts

Da Redação com Secom-JP

Estado abre concurso com 1.040 vagas em escolas de 178 municípios

O Governo da Paraíba abre no dia 7 de novembro próximo inscrições para concurso público com oferta de 1.040 vagas para o cargo de Professor da Educação Básica 3 da carreira do Magistério Estadual. Os candidatos poderão se inscrever até o dia 11 de dezembro de 2011 exclusivamente por meio da internet no endereço eletrônico www.faperp.org.br. A remuneração inicial para o cargo de professor é de R$ 1.111,40. A carga horária de trabalho será de trinta horas semanais.

Por meio dos links referentes ao processo o candidato deve preencher a ficha de inscrição, transmitir os dados pela internet, imprimir o boleto bancário e efetuar o pagamento no valor de R$ 70,00 (setenta reais) até o dia 12 de dezembro em qualquer agência bancária ou nas casas lotéricas.

As 1.040 vagas estão assim distribuídas: matemática (303), Língua Portuguesa (282), Língua Inglesa (96), Artes (27), História (52), Geografia (52), Biologia (57), Química (43), Física (59), e Educação Física 69 vagas. O pré-requisito é comprovar a Licenciatura Plena nas referidas disciplinas. O concurso terá duas fases: provas objetivas e avaliação de títulos. As provas terão duração de três horas e terão como conteúdo legislação básica, orientações curriculares, conhecimentos pedagógicos, língua portuguesa, fundamentos da educação/prática docente. As provas objetivas estão previstas para o dia 8 de janeiro de2012. A avaliação de títulos tem caráter classificatório e, portanto, não elimina do concurso os candidatos que não apresentarem  títulos. O concurso público terá validade de seis meses, prorrogável uma vez por igual período, a critério a administração pública estadual.

O edital do concurso público está publicado no Diário Oficial do Estado, edição desta sexta-feira 28 de outubro e disponível também nos endereços eletrônicos http://www.paraiba.pb.gov.br http://www.paraiba.pb.gov.br/educacao. O concurso vai ser realizado pela Fundação de Apoio à Pesquisa e Extensão de São José do Rio Preto – Faperp. O regime jurídico para os candidatos classificados no concurso será o Estatutário, de acordo com as normas estabelecidas no Estatuto do Servidor Público do Estado da Paraíba.

O certame será realizado por município. O candidato concorrerá ao cargo/disciplina/município da vaga para o qual se inscrever. As provas serão realizadas nas cidades de João Pessoa, Campina Grande, Patos, Sousa e Cajazeiras. A partir do dia 16 de dezembro o candidato poderá conferir, no sítio da Faperp, a homologação de sua inscrição. Esclarecimentos poderão se obtidos pelo telefone (17), 3211-1080 ou no endereçowww.faperp.org/chat, de segunda a sexta-feira,  em dias úteis, das 8h às 18 horas.  O concurso reserva 5% das vagas oferecidas para cada município às pessoas com deficiência.

Da Redação com Secom-PB

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Em PE, PRF apreende 100 quilos de fronhas hospitalares vindas dos EUA

De acordo com os policiais, os tecidos apresentam manchas residuais.

Veículo onde os produtos estavam tem placas de Santa Cruz do Capibaribe.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, na tarde desta quinta-feira (27), cem quilos de fronhas provenientes de hospitais norte-americanos, durante fiscalização de rotina no posto da PRF de Ouricuri, Sertão de Pernambuco. O carregamento estava num carro com placas de Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste, cidade onde a polêmica da reutilização de material hospitalar supostamente impróprio como tecido para roupas começou, no início deste mês.
Em Pernambuco, PRF apreende fronhas hospitalares vindas dos EUA (Foto: Divulgação / Polícia Rodoviária Federal) 
Carro onde estava o material tem placas de Santa Cruz do Capibaribe, cidade onde começou a polêmica (Foto: Divulgação / Polícia Rodoviária Federal)
De acordo com a polícia, as fronhas apresentam manchas residuais e são oriundas de diversos hospitais dos Estados Unidos. Segundo informações que o proprietário do veículo repassou à PRF, as fronhas seriam comercializadas numa confecção da família dele, que fica na cidade de Miranda, no Maranhão.
Em Pernambuco, PRF apreende fronhas hospitalares vindas dos EUA (Foto: Divulgação / Polícia Rodoviária Federal) 
Fronhas têm inscrições de vários hospitais dos Estados Unidos, segundo a PRF (Foto: Divulgação / Polícia Rodoviária Federal)
A Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa) foi acionada para fazer a análise do material, no sentido de identificar se os tecidos estão contaminados. Jaime Brito, gerente geral da Agência, afirmou que uma equipe auxiliará a Polícia Federal, responsável pela investigação. “O motorista e o material apreendido estão sendo levados para a delegacia da Polícia Federal, em Salgueiro, onde uma equipe da 7ª Regional de Saúde da Apevisa irá avaliar o produto”, afirmou.

Histórico
No dia 11 de outubro, a Receita Federal apreendeu dois contêineres com cerca de 46 toneladas de lixo hospitalar, vindos dos Estados Unidos. O destino da carga era a empresa Na Intimidade, do empresário Altair de Moura, em Santa Cruz do Capibaribe, polo têxtil no Agreste de Pernambuco.
O inquérito para apurar as responsabilidades pelo desembarque de contêineres com lixo hospitalar vindos dos Estados Unidos está concentrado nas mãos da Polícia Federal, que vai aproveitar as diligências já feitas pela Polícia Civil de Pernambuco. As investigações apontam para a prática de crimes de contrabando, ambiental e uso de documento falso.

O advogado Gilberto Lima, que defende Altair de Moura, entregou à Receita Federal, nesta quinta-feira (27), um documento pedindo que os dois contêineres sejam devolvidos para os Estados Unidos. De acordo com Lima, o pedido se deve ao fato de que a carga é incompatível com o pedido feito pelo importador, além do perigo que representa para a saúde.
O inspetor chefe da Receita Federal, Carlos Eduardo da Costa Oliveira, não quis gravar entrevista, mas informou que a devolução vai depender de uma negociação diplomática entre o Brasil e os Estados Unidos e que a carga só sairá daqui se os EUA aceitarem receber os contêineres. Em último caso, o material vai ser incinerado em Pernambuco e as despesas dessa operação serão pagas pela Receita.

Da Redação com G1 PE

Em ação impressionante, Policial reage a assalto, mata dois bandidos e deixa um ferido



De acordo com a polícia e com testemunhas, um policial civil desceu do carro para fazer um pagamento na agência da Caixa Econômica no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), em Brasília, quando foi surpreendido por dois homens na entrada, que anunciaram o assalto.

Os bandidos pegaram a mochila com R$ 2 mil e correram em direção a uma moto onde estava o terceiro envolvido. O policial foi atrás e disparou. Dois assaltantes morreram na hora e o terceiro, atingido nos braços, está hospitalizado. As armas e a mochila vão ser periciadas. O policial envolvido foi ouvido e liberado. Segundo a delegada responsável pelo caso, os três acusados tinham passagem pela polícia.


“Inclusive, a moto que eles estavam usando era roubada. Vamos fazer diligência, no sentido de deixar tudo esclarecido. Tudo que estiver relacionado ao fato”, garante a delegada Débora Menezes.

Quando sair do hospital, o assaltante poderá ser processado por tentativa de homicídio e roubo. O policial não deve ser processado, já que agiu em legítima defesa.

IMAGENS FORTES




 
G1 e Extraordinário

Secretaria de Saúde do Município de Conde adere à Campanha Outubro Rosa


Prevenir é a arma principal para se evitar doenças graves. Por esse motivo os profissionais da Secretaria Municipal de Saúde de Conde aderiram à campanha mundial “Outubro Rosa”. O principal objetivo é conscientizar as mulheres sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama e de útero por aumentar significativamente as chances de cura.
Até o dia 31 de outubro as ações serão intensificadas nas unidades de saúde do município.

A “Campanha Outubro Rosa” surgiu em 1997 nos Estados Unidos e foi marcada pela iluminação de monumentos históricos com luzes rosa e desde então vários outros países tem aderido ao movimento.
Na cidade de Conde os profissionais da Secretaria de Saúde realizarão atividades voltadas ao rastreamento e detecção precoce não só do câncer de mama, mas de todas as doenças em prol da saúde das mulheres. Para demonstrar a adesão à campanha, os organizadores distribuíram fitas na cor rosa que são usadas pregadas na roupa.

Reportagem: Mário Luiz (carioca)
Fotos: Central PB de Jornalismo Online

Carro do Google Street View registra em 360º cidades da Paraíba

Carro do Google Street View está na Paraíba (Foto: Arquivo pessoal)


Automóvel do Google foi visto em João Pessoa e Campina Grande.

Carro conta com 15 lentes que registram imagens das cidades da Paraíba.

Carro do Google Street View está na Paraíba (Foto: Arquivo pessoal)
O carro do Google Street View foi visto nesta quarta-feira (26) em duas cidades da Paraíba. Os automóveis, com 15 lentes que captam imagens em 360 graus de vários pontos da cidade, foram vistos em João Pessoa e Campina Grande.

Carro do Google Street View está na Paraíba (Foto: Arquivo pessoal) 
O veículo também foi visto em João Pessoa pela internauta Isabella Coelho (Foto: Arquivo pessoal)
 
Da Redação com G1 PB

Cícero exige posse imediata de Cássio; Sarney quer 'sobrevida' para Santiago

Cícero exige posse imediata de Cássio; Sarney quer 'sobrevida' para Santiago

Cássio entrega diplomação no Senado O senador Cícero Lucena afirmou na tarde desta quarta-feira (26) que toda a bancada do PSDB irá participar a partir das 14h (horário de Brasília) de uma reunião no Senado para reivindicar ao presidente da Casa, José Sarney (PMDB), a posse imediata de Cássio Cunha Lima como senador.
Nas palavras do tucano, 'Cássio tem que ser empossado hoje'. A bancada do PSDB, inclusive, ameaça obstruir as votações no Senado, até o ex-governador ser empossado.
Sarney defende que Wilson Santiago, do mesmo partido, tenha direito a se defender nas próximas cinco sessões.
O senador diplomado entregou agora na manhã de hoje seu diploma na Secretaria Geral do Senado Federal.
"Estou em BSB entregando, agora, o diploma na Secretaria Geral da Mesa", postou em seu twitter.
Cássio foi diplomado senador na tarde de ontem (25) no Tribunal Regional Eleitoral e durante entrevista coletiva disse esperar tomar posse nas próximas 48h. "É um absurdo imaginar que não tomarei posse até a próxima quinta-feira".
Da Redação com Click PB

Pleno do Tribunal de Justiça recebe denúncia do MP contra prefeito municipal de Serra Grande e mais três noticiados

 
Na tarde desta quarta-feira (26), o Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba recebeu, por unanimidade, a denúncia formulada pelo Ministério Público, contra o prefeito municipal de Serra Grande, João Bosco Cavalcante, e mais três pessoas, que estão sendo acusadas, em tese, de desvios de recursos públicos em proveito próprio e de terceiros. O relator da Notícia Crime n° 999.2010.000426-9/001 foi o desembargador  Joás de Brito Pereira Filho. 

Conforme a denúncia, além do prefeito, teriam participado dos desvios Maria Vidal de Moura (ex-Tesoureira), Edmar Nunes da Silva (ex-Secretário de Administração) e Alison de Sousa Leite (ex-presidente da Comissão de Licitação), mediante aquisições consideradas fraudulentas de mercadorias a empresa fictícia Thudo Comercial Ltda, durante o exercício financeiro de 2005, no total de R$ 58.919,44, conforme relatório do Tribunal de Contas do Estado. Ainda segundo a denúncia, os noticiados utilizaram de notas fiscais frias para objetivo exclusivo de fraudar os cofres públicos do Município, simulando aquisição de bens que jamais chegaram na sede da Prefeitura.
O prefeito João Bosco Cavalcante e os demais noticiados defendem-se no processo. O gestor reclama o reconhecimento imediato da improcedência da acusação a pretexto de que não há evidência de conduta dolosa por ele praticado. De igual modo, os outros noticiados sustentam que a denúncia é inepta, pois não especifica, nem descreve, de forma clara, o fato criminoso atribuídos aos mesmos. “Verifica-se que não há motivos para a rejeição da denúncia, pois, da simples leitura constata-se a peça formalmente válida, que descreve com clareza os fatos tidos como criminosos, suas circunstâncias e classificação, ainda que sobre eles discorde a defesa”, justificou o relator.
Ele disse, ainda, que, para o esclarecimento dos fatos narrados na denúncia, é necessária a instrução do processo, as quais dependem de melhor apuração para se aferir a veracidade dos fatos. O desembargador Joás de Brito também verificou a ausência de fundamentos para prisão preventiva e afastamento temporário do cargo de gestor municipal, também em relação aos demais noticiados.

Da Redação com GeCom/TJPB

TRE-PB apoia o OUTUBRO ROSA 2011

Outubro Rosa


O Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) aderiu ao movimento mundial contra o câncer de mama nesta quarta-feira (26), apoiando a campanha Outubro Rosa 2011.

Outubro, este é o mês para chamar atenção para a doença que mata milhares de mulheres anualmente em todo o mundo: o câncer de mama. O movimento é mundial e tem o objetivo de dar visibilidade ao tema e estimular a participação da população e entidades na luta contra o câncer de mama, bem como sensibilizar o poder público sobre a importância de dar atenção adequada à doença.

O Outubro Rosa foi criado nos Estados Unidos, em 1997. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama. Com o passar dos anos, vários países aderiram à causa. No Brasil, o movimento chegou em 2002.

A marca principal é a iluminação de monumentos históricos com a cor rosa. Em vários países, locais famosos recebem a cor da campanha, como a Torre de Pisa, na Itália; a Opera House, na Austrália; e o Arco do Triunfo, na França. No Brasil, monumentos de várias cidades já ficaram rosados em nome da causa.

No TRE da Paraíba, o prédio está marcado com uma faixa rosa que simboliza a adesão à Campanha OUTUBRO ROSA 2011.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA), esse é o segundo tipo mais frequente da doença no mundo, sendo o mais comum entre as mulheres.

Se diagnosticado e tratado oportunamente, as perspectivas de cura são maiores.
Mulheres! É preciso cuidar da sua saúde, prestar atenção ao seu corpo e, principalmente, ter acompanhamento médico.

O diretor-geral do TRE-PB, Leonardo Lívio Ângelo Paulino, falou sobre a adesão: “Demonstrar, acima de tudo, a preocupação com a responsabilidade social que qualquer dirigente de uma instituição pública, do porte da nossa, tem que possuir. A campanha do Outubro Rosa se destina a fomentar ações que estimulam a prevenção contra o câncer de mama nas mulheres, e como dirigente de um Órgão com  centenas de servidoras não poderia deixar de promover de algum modo, nem que fosse com um gesto simbólico, a nossa participação, o nosso apoio, à campanha do Outubro Rosa, propagada internacionalmente. O Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, que é um órgão que trabalha com cidadania, com o povo; tem toda essa identificação com a população, não poderia deixar de participar ativamente de um gesto tão grandioso quando esse. Todas as doações que poderem ser feitas a entidades que trabalham com a prevenção ao câncer de mama, como nós fazemos aqui no nosso serviço de saúde, com servidoras da sede do Tribunal e das Zonas Eleitorais, são bem-vindas. Acreditar em ações como essa fazem parte do que eu tenho dito: levar a Justiça Eleitoral ao século 21, é disso que se trata.”

Faça como o Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, participe do Outubro Rosa você também.
 
Da Redação com TRE

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Prefeitura faz entrega de mais 500 cartões do bolsa família

O Prefeito em exercício Dr. Quintino Régis, realizou a entrega de mais 500 cartões do programa Bolsa Família.
Além dos contemplados, participaram do evento o representante da Caixa Econômica Federal, Andervaldo dos Anjos e a Chefe do Bolsa Família, Dona Fátima. 

A cerimônia de entrega aconteceu na manhã desta terça-feira (25/10), no Centro Paroquial de Conde. Os novos contemplados poderão receber os benefícios após o cadastramento da senha que estava sendo feito no próprio local de entrega. O município de Conde já conta com mais de 6.000 beneficiários da “Bolsa Família”.

Serão quinhentas novas famílias que irão se beneficiar do dinheiro do governo federal, sendo elas as que se cadastraram no programa e estão dentro dos critérios exigidos.

Renda: Famílias que vivem em situação de pobreza ou extrema pobreza, e que sua renda seja de 70 a 140 reais.

Educação: Os filhos têm que estar estudando e ter 85% de frequência na escola.

Saúde: Acompanhamento da criança de 0 a 7 anos, meninos, e de 0 a 44, meninas/mulheres.

A distribuição de senha foi uma forma de organizar as entregas e evitar tumulto.
Segundo a coordenadora do Bolsa Família de Conde, Fátima , popularmente conhecida por "Dona Fátima", cada beneficiário recebeu seu cartão, cadastrou sua senha e logo em seguido o dinheiro já foi liberado para tirar.
Dona Fátima ainda explica que para todas essas pessoas que receberam o cartão será feito uma atualização de cadastro para verificar se ainda estão precisando. Caso não precise, será bloqueado e passado para quem precisa.

Reportagem: Mário Luiz (carioca)
Fotos : cental PB de Jornalismo Online

ASSASSINATO A SANGUE FRIO NA CIDADE DE CONDE PARAÍBA

Um crime brutal ocorreu hoje por volta das 16h30min na cidade de Conde, o comerciante de gado Reginaldo Vital Filho de 33 anos foi assassinado com três tiros de pistola no rosto quando chegava em casa no Lot. Cidade das Crianças no Município.

Segundo a esposa da vítima que não quis se identificar Régis como era conhecido na cidade tinha ido buscá-la em seu trabalho quando ao chegar em frente ao portão da sua residência com sua moto, dois elementos em um Celta de cor chumbo pararam um pouco mais a sua frente e um homem moreno de camiseta vermelha e bermuda se aproximou da vítima e chamou pelo seu nome: “ô Regis!” o mesmo ao virar o rosto foi alvejado com um tiro, vindo a cair no chão com sua moto, o assassino ainda disparou mais duas vezes na vítima que teve morte instantânea ainda no local, e em seguida os assassinos tomaram destino ignorado.
O vereador e Policial Civil Fernando Araújo chegou ao local do cerca de 3 a 4 minutos após o crime e ainda tentou perseguir os assassinos mais os mesmo não deixaram rastos e tomaram rumo ignorado, a Policia Militar também chegou rapidamente ao local e também fez varias diligências para tentar chegar aos acusados, mais não obteve êxito, a Ambulância do SAMU foi chamada para atender a vítima mais já encontrou o rapaz sem vida.
A família de Régis não tem informações do motivo que levou ao seu assassinato, uma vez que ele não tinha inimigo e era muito querido na cidade.
Para a Polícia tudo leva a crê que se trata de uma execução já que nada foi levado da vítima, com esse sobe para onze o numero de assassinatos no município de Conde só nos últimos dez meses, até o fechamento dessa redação a Polícia ainda não tinha pistas sobre o paradeiro dos assassinos.
 
Da Redação com Jário Silva 
Fotos: Central PB de Jornalismo Online

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Moradores do bairro São José: "eles querem derrubar nossas casas e vender as casas novas"

Moradores do bairro São José: "a PMJP quer derrubar nossas casas e vender casas novas"
Os representantes dos moradores do bairro São José, localizado em João Pessoa, concederam entrevista à programa de rádio para falar sobre os apelos da comunidade contra o projeto da Prefeitura Municipal de João Pessoa que prevê a reconstrução das casas do bairro.
A revolta dos moradores é justificada por eles dizenso que as casas, que muitos passaram anos para construir e terminar, serão derrubadas e novas casas, em tamanho padronizado, serão construídas no local. Mas, segundo os moradores, eles terão que pagar pelas casas por dez anos em um tipo de financiamento. "A PMJP quer derrubar nossas casas e vender casas novas", disse um dos moradores.
Os representantes dos moradores falaram ainda sobre a postura da PMJP que, de acordo com as informações passadas na entrevista, não informou aos moradores sobre as mudanças no bairro. Eles dizem que tomaram conhecimento através dos meios de comunicação.

Da Redação com Click PB

Paciente passa mal durante espera por médico em João Pessoa

Médicos do SUS fazem paralisação nacional nesta terça-feira (25).

Paciente foi examinada por um médico, mas só foi atendida pelo Samu.


Iraci acompanhou a vizinha que passou mal até o Cais de Jaguaribe (Foto: Krystine Carneiro/G1) 
Iraci acompanhou a vizinha que passou mal até o
Cais de Jaguaribe (Foto: Krystine Carneiro/G1)
Uma paciente passou mal na manhã desta terça-feira (25) durante a espera por médicos no Centro de Atenção Integral à Saúde (Cais) de Jaguaribe, em João Pessoa. Os profissionais suspenderam o atendimento de consultas, exames e procedimentos eletivos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em adesão a um protesto nacional que ocorre em cerca de 20 estados.
Maria Rodrigues dos Santos, de 63 anos, foi fazer uma endoscopia e o médico que iria antendê-la ainda não havia chegado. Ela começou a sentir fortes dores na barriga, segundo sua vizinha Iraci Galdino Faria.
A diretora administrativa do Cais, Isadora Guedes, informou que um médico fez um exame rápido na paciente e chamou o Samu para que ela fosse antendida em outro hospital. Ainda de acordo com Iraci, Maria Rodrigues sofre de pressão alta e possivelmente passou mal por causa do nervosismo resultante da espera por um médico. Ela disse que a vizinha já havia tentado fazer o exame na última sexta-feira (21), mas não conseguiu e remarcou para esta terça. Até as 8h, o médico ainda não havia chegado na unidade.

No Hospital Municipal Santa Isabel, os pacientes aguardam do lado de fora da unidade, sem ter uma confirmação se os médicos vão aparecer.
Maria Carneiro de Oliveira, de 75 anos, viajou do município de Alagoinha, a 109km de distância da capital, e chegou às 6h para ter uma consulta que estava marcada há mais de 15 dias. Ela pegou a primeira ficha do dia, mas não tinha previsão da chegada do médico até as 9h.
Severino Antônio de Pontes, de 66 anos, vive uma situação parecida. Ele foi o oitavo a chegar na fila com sua sobrinha e aguarda um médico desde as 7h. Severino saiu de um sítio localizado no município de Pedras de Fogo, a 67km da capital, para consultar um angiologista. Como o paciente tem reumatismo, ele teve que aguardar o médico dentro do carro disponibilizado pela Prefeitura da cidade, mas também não sabe se vai conseguir atendimento.
Severino viajou 67km para consultar um agiologista (Foto: Krystine Carneiro/G1) 
Severino viajou 67 km para consultar um agiologista
(Foto: Krystine Carneiro/G1)
O Sindicato dos Médicos da Paraíba (Simed) espera a adesão de mil profissionais à paralisação de atendimentos eletivos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no estado. De acordo com o presidente Tarcísio Campos, as consultas, exames e outros procedimentos marcados em hospitais estaduais estão suspensas. Em João Pessoa, o Ortotrauma de Mangabeira, o Hospital Municipal Santa Isabel e o Instituto Municipal Cândida Vargas tiveram o atendimento prejudicado. Segundo ele, a orientação do movimento é de que os próprios médicos remarquem as consultas.

A reportagem do G1 fez uma ronda em três hospitais de João Pessoa. Entre eles, apenas o Hospital Universitário Lauro Wanderley estava recebendo pacientes normalmente. No Cais de Jaguaribe, apenas alguns médicos atendiam por indicação do movimento. No Hospital Santa Isabel, os médicos não confirmaram se iriam realizar as consultas agendadas.
Presidente  do CRM-PB, João Medeiros, espera adesão em massa ao movimento (Foto: Krystine Carneiro/G1) 
Presidente do CRM, João Medeiros, espera grande
adesão ao movimento
O presidente Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB), João Medeiros, espera uma adesão em massa dos médicos ao movimento. "É uma forma de chamar a atenção da população para termos um melhor financiamento do SUS, melhores condições de trabalho e, consequentemente, oferecermos um melhor atendimento", disse. Segundo ele, em 20 anos houve uma redução de 200 mil leitos nos hospitais brasileiros. "Por isso é difícil as pessoas que não tem plano de saúde conseguirem atendimento".

Unidades de saúde
A Secretaria Municipal de Saúde de João Pessoa informou que as unidades de saúde da capital permanecerão abertas para o atendimento à população. “Se o usuário chegar na unidade e o médico não estiver presente, a consulta será remarcada para a data mais próxima para que o paciente não seja prejudicado”, disse o assessor Alex Lacerda.

Em Campina Grande, a gerente de Atenção Básica de Saúde, Joelma Greyce, informou que todas as unidades de saúde do município estarão funcionando normalmente.

Da Redação com G1

Homem bêbado estupra adolescente de 15 anos no Brejo paraibano

O servente de pedreiro Helenildo Miranda Anselmo Dantas, de 30 anos, foi preso acusado de estuprar um adolescente de 15 anos na cidade de Belém, Brejo paraibano. Ele confessou o crime e disse que durante o abuso sexual estava bêbado.